Quinta-Feira, 02 de Julho de 2020

Política
Sexta-Feira, 05 de Junho de 2020, 11h:29

NÃO SE DEIXE ENGANAR

Radicais tentam convencer que quem se opõe ao governo Bolsonaro é "Antifas e terrorista"

Chavões generalizam opositores de Bolsonaro como "terroristas" e "Antifas"

Da Redação

Twitter

A estratégia da família Bolsonaro e seus militantes radicais é 'pintar' os opositores do Presidente como vilões. Nas redes sociais os perfis de direita estão empenhados em subir hashtags classificando todos, absolutamente todos que se opõem à gestão de Jair Bolsonaro, como 'maconheiros', 'terroristas', 'comunistas' e 'baderneiros'. 

O perfil de apoio ao Delegado Alex Ramagem, que o Presidente tanto queria emplacar na PF do Rio de Janeiro, publicou hoje no Twitter um vídeo mexicano que mostra o ataque covarde e violento contra um policial. Um indivíduo joga álcool no policial e ateia fogo. O vídeo tem a seguinte apresentação: "Antifas mexicanos botaram fogo em um Policial em frente de várias câmeras. Antifas são Terroristas! Quem compartilha e faz o uso do símbolo dessa organização deve ser tratado como tal."

A generalização é a estratégia para tentar justificar o uso de força policial violenta contra manifestantes que, legitima e democraticamente, se opõem ao Presidente. A repetição constante dos bordões têm o objetivo de 'vender' a ideia de que os radicais armados que apoiam o Governo são os 'heróis da Pátria' e 'bonzinhos'. São de fato um grupo radical com o propósito de dar um golpe usando a força paramilitar. As faixas carregadas nas manifestações em Brasília com a frase "Intervenção militar com Bolsonaro no poder" não podem ser relativizadas, nem subestimadas.

Novos perfis de direita estão sendo criados, outros com nomes trocados, na tentativa de burlar a investigação do inquérito das fake news e evitar a ordem para que as redes sociais bloqueiem perfis que fizeram ataques a ministros do STF.

Fique atento, pense, raciocine, não se deixe levar por mentiras, chavões e hashtags de ódio. Grande parte dos que discordam da gestão de Jair Bolsonaro não são de esquerda, são eleitores que votaram nele para evitar que o PT continuasse no poder.

Comentários

Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO