Terça-Feira, 21 de Agosto de 2018

Mato Grosso

Sexta-Feira, 08 de Junho de 2018, 05h:57

CONDENAÇÃO MANTIDA

TJ nega recurso e decisão colegiada torna Wilson Santos ficha suja

Cícero Henrique

Gcom/MT

A 2ª Câmara de Direito Público e Coletivo do Tribunal do Justiça do Estado de Mato Grosso negou, por unanimidade, recurso de apelação interposto pelo deputado estadual Wilson Santos (PSDB) e manteve a sentença que determinou a suspensão dos seus direitos políticos por um período de 3 anos. O deputado também está proibido de contratar com o poder público ou receber benefícios ou incentivos fiscais ou creditícios direta ou indiretamente.

Santos foi condenado por contratar servidores sem concurso público quando era prefeito de Cuiabá. A Ação foi interposta pelo Ministério Público Estadual (MPE).

O relator do caso foi o desembargador José Zuquim Nogueira.

Ficha suja

Por se tratar de decisão colegiada, Wilson Santos, que é o líder do Governo Pedro Taques na Assembleia Legislativa, fica impedido de disputar as eleições deste ano.

Comentários

Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO