Domingo, 19 de Maio de 2019

Mato Grosso

Quinta-Feira, 29 de Novembro de 2018, 12h:00

SUPOSTO CAIXA 2

PGR: Há indícios que Wellington Fagundes recebeu dinheiro da J&F no caixa 2

Trechos de delações de executivos da J&F relatam episódios de caixa 2 entre 2010 e 2014 motivaram pedido de investigação.

Redação

Reprodução

Senador Wellington Fagundes

A PGR encaminhou no último dia 27 manifestação ao STF pedindo investigação de Onyx Lorenzoni, futuro ministro da Casa Civil, e mais nove parlamentares. São eles: os deputados federais Paulo Teixeira (PT-SP), Alceu Moreira (MDB-RS), Jerônimo Goergen (PP-RS), Zé Silva (SD-MG) e Marcelo Castro (MDB-PI) e contra os senadores Ciro Nogueira (PP-PI), Renan Calheiros (MDB-AL), Wellington Fagundes (PR-MT) e Eduardo Braga (MDB-AM).

Segundo Raquel Dodge, procuradora-geral da PGR, trechos de delações premiadas de executivos do grupo J&F sobre episódios de caixa 2 entre 2010 e 2014 motivaram pedido de investigação.

"Verificou-se... situações em que o recebimento de dinheiro de forma dissimulada ocorreu no curso do mandato parlamentar por agentes políticos que ainda são detentores de foro no STF, fazendo-se necessária a autuação de petições autônomas para adoção de providências em relação a cada autoridade envolvida", disse Raquel Dodge.

Comentários

Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO