Quarta-Feira, 13 de Novembro de 2019

Mato Grosso

Quarta-Feira, 31 de Julho de 2019, 16h:51

GRAMPOLÂNDIA PANTANEIRA

Paulo Taques se torna réu na 7ª Vara Criminal de Cuiabá

O ex-Chefe da Casa Civil Paulo Taques é oficialmente réu no processo que investiga a Grampolândia Pantaneira.

Da Redação

Reprodução

O juiz Jorge Luiz Tadeu, da 7° Vara Criminal de Cuiabá, recebeu a denúncia, acompanhando o parecer do Ministério Público Estadual (MPE), que aditou a denúncia para incluir Paulo Taques no rol de investigados e arquivou a ação contra as delegadas Alana Cardoso e Alessandra Saturnino.

“Recebo a denúncia e o aditamento oferecido pelo procurador-Geral da Justiça em face de Paulo Cezar Zamar Taques, por satisfazer os requisitos legais, vez que amparada em indícios de autoria e materialidade”, é a decisão.

Paulo Taques é apontado como o mandante da criação do núcleo de inteligência operado por policiais militares para ouvir a própria amante, inimigos políticos do ex-governador Pedro Taques (PSDB), jornalistas, deputados e advogados.

Leia também
Ameaça de morte contra Selma Arruda foi combinada e resultou em grampo de Silval, confessa cabo Gerson

 

 

 

Comentários

Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO