Terça-Feira, 23 de Outubro de 2018

Mato Grosso

Quinta-Feira, 06 de Junho de 2013, 17h:21

SEGURANÇA EM GRANDES EVENTOS

Em audiência pública sobre segurança, Taques critica corte de obras em MT

Fernando Meira Dias, de Brasília para o Caldeirão Político

O Senado Federal realizou nesta quinta feira, 6, uma audiência pública para debater quais são as ações que o Brasil está desenvolvendo e adotando para garantir a segurança de toda a população durantes a Copas das Confederações, Jornada Mundial da Juventude, Copa do Mundo e Jogos Olímpicos.

O encontro foi promovido em conjunto pelas comissões de Constituição e Justiça (CCJ) e de Relações Exteriores e Defesa Nacional (CRE), e contou com a presença de representantes do Ministério da Defesa, Agência Brasileira de Inteligência (Abin) e Forças Armadas. O presidente da Abin, Wilson Roberto Trezza, informou que o órgão já realizou 140 relatórios de avaliação de risco focando a Copa das Confederações e a Jornada Mundial da Juventude (JMJ). Isso, segundo ele, é uma forma de prevenir atos terroristas.

Ele também disse que a entidade estruturou centros de inteligência regionais e está intensificando o intercâmbio com serviços internacionais. “Mais de 30 representantes de setores de inteligência de outros países virão ao Brasil para a Copa das Confederações. Isso permite intercâmbio de dados, principalmente na área de terror”, disse.

O senador Pedro Taques (PDT-MT), relator do Novo Código Penal, afirmou que percebe o conjunto de ações das forças de segurança no âmbito nacional, mas lamentou que no Estado do Mato Grosso está ocorrendo uma ausência de previsão de obras de segurança.

Ele lembrou que, no início deste ano, o governo estadual anunciou a suspensão de todas as obras de segurança pública. “O corte em um dos mais importantes legados da competição atingiu os projetos do Centro de Comando e Controle, do complexo da Politec, delegacias, batalhões da Polícia Militar e dos Bombeiros e uma base comunitária”, disse.
 

Comentários

Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO