Quinta-Feira, 16 de Agosto de 2018

Mato Grosso

Domingo, 05 de Agosto de 2018, 18h:06

ELEIÇÕES 2018

Convenção do PR em Mato Grosso evita ataques e fala em campanha de propostas

Esta é a coligação com o maior tempo de TV e rádio em Mato Grosso

Cícero Henrique

Convenção do PR-MT

O Partido da República realizou sua convenção estadual nesta tarde em Cuiabá. Num auditório pequeno com capacidade para 200 pessoas, o PR reuniu militantes do arco de aliança composto pelo PTB, PT, PRB, PV, PP, Pros, PMN, Podemos e PCdoB. Esta é a coligação com o maior tempo de TV e rádio. “Isso é a demonstração da nossa habilidade de poder construir e conseguimos aquilo que muitos duvidavam. Teremos a oportunidade de conversar muito mais com a população”, disse Fagundes. 

Fagundes escolheu como vice a advogada Sirley Theys (PV). Maria Lúcia Cavalli Neder (PC do B) e Adilton Sachetti (PRB) são os candidatos ao Senado.

A tônica dos discursos durante a convenção foi de propostas de crescimento. Ausentes qualquer crítica aos adversários nesta campanha, diferente do visto nas convenções do DEM e PSDB.

Cícero Henrique/Caldeirão Político

Wellington Fagundes

Wellington Fagundes (PR), candidato a governador em Mato Grosso

“Nós vamos fazer uma campanha de alto nível, uma campanha de propostas, uma campanha, acima de tudo, obediente à lei. O Brasil mudou, o Brasil quer mudança. Mato Grosso quer mudança. Mato Grosso quer a prática de verdade, a prática de fazer a política na modernidade. E a modernidade se faz exatamente com diálogo, com muita segurança. Eu não sou homem de briga, mas sou de luta. Assim que será a nossa campanha: respeitando todos os adversários”, afirmou Wellington Fagundes.

Fagundes lembrou sua luta pelos recursos do FEX, afirmando que nunca desistiu de lutar pelos interesses de Mato Grosso.

A primeira dama de Cuiabá, Marcia Pinheiro (foto acima), estava no palanque de Fagundes. O prefeito Emanuel Pinheiro (MDB), não compareceu ao evento do PR. A presença de Marcia Pinheiro, junto com o filho Emanuelzinho, candidato a deputado federal pelo PTB, deixa claro o descontentamento do rumo tomado pelo MDB, que coligou com o DEM, apoiando a candidatura de Mauro Mendes ao governo de MT. O prefeito defendia apoio a Wellington.

A deputada estadual Janaina Riva, namorada do filho de Wellington Fagundes, também ficou descontente com a coligação DEM/MDB.

Convenção modesta

Wellington Fagundes justificou a realização de uma convenção "modesta' lembrando que nesta eleição o financiamento de campanha é público,'o cidadão está pagando."

Comentários

Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO