Quarta-Feira, 26 de Setembro de 2018

Malagueta

Quarta-Feira, 11 de Abril de 2018, 10h:42

LULA PRESO

ROBERTO REQUIÃO: 'OU SUPREMO LIBERTA LULA OU SUPREMO NÃO EXISTE MAIS'

Redação

Reprodução

Senador Roberto Requião

À militância petista, Roberto Requião subiu o tom em discurso contra a prisão do ex-presidente Lula. Para Requião, “Ou o Supremo solta o Lula ou não existe mais – e acaba também o Congresso Nacional”. Requião prega que o princípio da presunção de inocência seja reconhecido, para que Lula seja solto e possa disputar a eleição presidencial deste ano.

 

1 COMENTÁRIO:

A prisão política do Lula não fará calar a nossa voz. Lula está preso, mas o Lulismo, não ! Porque o “lulismo” não é uma pessoa, mas uma ideologia política, um modelo político e econômico que contempla todas as classes, todas as raças, todos os credos; um sistema de governo que não segrega, que não oprime, que não abandona o seu povo, sobretudo as classes menos favorecidas; um modelo político fenomenal e bem-sucedido que beneficia e ampara a população, abrangendo a sociedade como um todo. O Lulismo é sobretudo uma força, um desejo, um ideal, uma paixão que povoa as mentes e habita os corações de milhões de brasileiros em todo o país. Luiz Inácio Lula da Silva é a semente que fez brotar esse ideal, que criou raízes e que agora é uma árvore frondosa, com milhões de ramos, flores e frutos chamada “Lulismo”, que está mais vivo do que nunca e que nas próximas eleições resplandecerá como a luz do Sol nas primeiras horas da manhã anunciando um novo dia, um novo começo, um novo tempo. Toda essa implacável perseguição contra o Lula se deve ao fato de o ex-presidente aparecer em 1º lugar nas pesquisas de intenções de voto. Todas as pesquisas de intenções de voto mostram LULA disparado em 1º na disputa para presidente em 2018, com aproximadamente 40% das intenções de voto, o que corresponde a cerca 60 milhões de eleitores que votariam no Lula nas eleições deste ano. Ao entregar Lula aos abutres, hienas e chacais da lava jato, o STF se sobrepôs à vontade desses milhões de eleitores do Lula, negando-lhes o direito de escolher seu presidente, de decidir o seu futuro, de escolher o seu destino. Nesse sentido, a prisão do Lula afigura-se como um tiro no pé para os seus adversários políticos, pois, como disse o próprio ex-presidente em seu discurso histórico neste sábado (7), pouco antes de sua injusta prisão: “Minhas ideias estão pairando no ar, não há como prendê-las. Não adianta acharem que vão fazer com que eu pare, eu não pararei porque não sou mais um ser humano, eu sou uma ideia.” Sim, prezado companheiro Lula !!! Você está aí encarcerado nos calabouços dessa nova Bastilha, mas nós – milhões de Lulas – estamos aqui, no front, e não sossegaremos na luta pela sua justa e sagrada liberdade.
enviado por: Cícero Costa em 11/04/2018 às 14:27:47
0
 
0
responder

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO