Domingo, 27 de Setembro de 2020

Malagueta

Sexta-Feira, 17 de Julho de 2020, 08h:01

ASSISTA

"MESMO QUE A PESSOA COMETE CRIME, MERECE RESPEITO", DIZ ADEVAIR CABRAL

Argumento do vereador para arquivar a CPI do Paletó repercute mal para a base do prefeito Emanuel Pinheiro. Assista e confira

Redação

Reprodução

 “Temos que respeitar, mesmo que a pessoa é bandida, mesmo que a pessoa cometeu crime, ela merece respeito, cada um tem um lado”, disse o vereador Adevair Cabral (PSDB).  Ele ainda argumenta que "estão querendo crucificar, que nem crucificaram Jesus".

Com este argumento, admitindo que o prefeito de Cuiabá Emanuel Pinheiro "é bandido", o vereador Adevair Cabral votou pelo arquivamento do relatório da CPI do Paletó. É o repisado e espúrio argumento do "rouba mas faz".

O vereador Adevair Cabral, ao usar este argumento, equipara-se ao vereador petista que durante live afirmou que o foco do PT é "roubar pouco e fazer muito".

Comentários

Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO