Quinta-Feira, 22 de Agosto de 2019

Malagueta

Quarta-Feira, 12 de Junho de 2019, 07h:21

DINHEIRO SOBRANDO

A CRISE NÃO AMEAÇA O JUDICIÁRIO, MP E O LEGISLATIVO

Redação

Reprodução

Primeira Câmara de Direito Privado do Tribunal de Justiça de Mato Grosso

Imunes às tesouradas nos gastos quando há frustração na arrecadação, os poderes Legislativo, Judiciário, Ministério Público e Defensoria dos Estados tinham no fim do ano passado uma sobra de R$ 7,7 bilhões em recursos livres.

Dinheiro sobrando - No Mato Grosso, o Executivo ficou com o caixa no vermelho em R$ 1,4 bilhão no fim do ano passado, enquanto sobravam R$ 417,1 milhões nos cofres do Judiciário e do Ministério Público.

Isso mostra que o judiciário e o Ministério Público estão nadando em dinheiro, enquanto o executivo com a corda no pescoço.

Comentários

Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO