Quarta-Feira, 18 de Outubro de 2017

Rodrigo Maia fala sobre reforma da Previdência e meta fiscal | Caldeirão Político
Nacional
Sábado, 12 de Agosto de 2017, 08h:43

PREVIDÊNCIA X META FISCAL

Rodrigo Maia fala sobre reforma da Previdência e meta fiscal

Redação

Reprodução

Deputado Rodrigo Maia

O presidente da Câmara reafirmou a importância da aprovação da reforma da Previdência pelo Congresso. Rodrigo Maia disse acreditar que a base do governo vai conseguir se reorganizar para aprovar o texto. Segundo ele, o Parlamento precisa enfrentar a questão das despesas obrigatórias do governo, como as aposentadorias, para não ter que aumentar mais impostos.

“Tributar mais a sociedade não é o caminho. Temos despesas obrigatórias que crescem todos os anos e precisamos enfrentá-las para não aumentar impostos”, disse. “A reforma da Previdência vai nessa linha e garante o equilíbrio fiscal brasileiro. Sem a reforma vai acontecer na União o que aconteceu no Rio de Janeiro e em Portugal, não precisamos chegar a esse ponto”, disse.

Meta fiscal

Rodrigo Maia também criticou a alteração da meta fiscal de déficit primário, hoje de R$ 139 bilhões, conforme o Orçamento da União deste ano. A previsão é que o governo anuncie a revisão da meta na segunda-feira (14).

Segundo Maia, se a reforma da Previdência já tivesse sido feita, não haveria necessidade de se mudar a meta fiscal, já que isso acaba sinalizando que o endividamento público pode crescer.

“Eu fico desconfortável com o aumento da meta fiscal, porque não é justo com a sociedade. O governo já tem um deficit muito grande e isso sinaliza que o endividamento pode crescer e gerar dificuldade. Quando a inflação voltar e a taxa de juros subir, quem vai pagar essa conta é a sociedade”, disse.

Comentários

Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO