Sexta-Feira, 22 de Fevereiro de 2019

Nacional
Segunda-Feira, 11 de Fevereiro de 2019, 16h:10

SENADO FEDERAL

CPI da toga não vinga porque senadores recuam

Redação

Reprodução

Ministros do Supremo Tribunal Federal

A proposta de criação de uma Comissão Parlamentar de Inquérito(CPI) do "ativismo judicial em tribunais superiores, apelidada de "CPI da toga", não mais assinatura para ser instalada no Senado Federal, Dois parlamentares retiraram seus nomes no apoio que havia dado à investigação, que foi sugerida pelo então senador delegado Alessandro Vieira(PPS-SE).

Os senadoras que retiaram seus omes foi Tasso Jereissati(PSDB-CE) e Kátia Abreu(PDT-TO).

Caso o senador Alessandro Vieira consiga repor s duas assinaturas que falta a CPI poderá ser instalada. Mais os senadores acham quase impossível a CPI seguir em frente.

Além desse complicador, ainda tem o Regimento Interno impede que o Senado investigue as atribuições do Supremo Tribunal Federal. Com base nesse artigo, a Secretaria-Geral da Mesa pode enxergar improcedência no objeto da comissão parlamentar.

 

1 COMENTÁRIO:

É UMA VERGONHA, O MINIMO QUE PODE SE DIZER DESTES DOIS SENADORES. AMBOS, RUDO INDICA QUEM TEM MEDO DE DECISÕES DE SUAS EXCELÊNCIAS OS ATINGIREM EM CHEIO, POIS NÃO TEM OUTRA EXPLICAÇÃO. KATIA ABREU, QUE JÁ DEVERIA TER SIDO AFASTADA DO MANDATO POR ROUBO, TRANSMITIDO AO VIVO PELA TV, AINDA ESTA SE POSANDO DE PALADINA DA HONESTIDADE, TASSO, SEMPRE FOI COVARDE, VIVE SEMPRE EM SIMA DO MURO. E ASSIM É FORMADO O SENADO FEDERAL, POR PARTE DE SENADORES INDIGNOS DE OCUPAREM O SENADO. PARABÉNS AOS ELEITORES QUE OS COLOCARAM LA.
enviado por: Claudio Coelho Barreto Junior em 13/02/2019 às 12:52:39
0
 
0
responder

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO