Terça-Feira, 23 de Outubro de 2018

Mato Grosso
Quinta-Feira, 20 de Setembro de 2018, 08h:50

ELEIÇÕES 2018

Partidos de esquerda buscam fortalecer bancada em Brasília

Cícero Henrique

Reprodução

A pouco mais de 20 dias do pleito, esquerdistas mato-gossense trabalham para dar musculatura às lideranças do Congresso Nacional

Tendo em vista a distribuição proporcional do número de representantes, Mato Grosso tem uma fatia de 8 cadeiras dentre as 513 disponíveis. Isso transfere uma considerável responsabilidade aos 141 municípios do estado para elegerem aqueles que melhor poderão representar seus interesses em Brasília.

Cabe aos eleitos elaborar e aprovar as leis a nível federal. E, para isso, não faltam candidatos. Em comparação aos dados do último pleito, em 2014, houve um aumento significativo na quantidade de candidaturas na disputa para o cargo de deputado federal. A estatística aponta uma elevação de aproximadamente 15%.

Apesar de haver muitas mudanças implícitas nas eleições deste ano, as movimentações mostram que as intenções continuam voltadas a angariar forças para aumentar e fortalecer as bancadas do parlamento.

Para isso, presidentes de partidos e líderes esquerdistas querem fortalecer uma bancada forte no Congresso Nacional. Cabe lembrar que PSTU e PSOL possuem candidatos para deputado federal.

Essas lideranças acreditam na coligação do candidato ao governo de Mato Grosso, Wellington Fagundes(PR), que abriga uma boa parcela dos partidos de esquerda.

 

 

Comentários

Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO