Terça-Feira, 22 de Maio de 2018

STF
Terça-Feira, 09 de Janeiro de 2018, 13h:43

STF

Cármen Lúcia: “Juiz não tem de querer, mas obedecer”.

Redação

Reprodução

Presidente do STF, Cármen Lúcia

A nota principal da coluna Giro desta terça-feira diz que a reunião com a ministra Cármen Lúcia foi tensa e a presidente do STF não deixou de mostrar os erros de todos os envolvidos nessa guerra contra crise prisional.

O presidente da OAB-Goiás levou pito na frente de todos. Inventou de querer convocar o Judiciário. A resposta da ministra foi na lata: “Isso não existe. Ninguém convoca o Judicário”.

O presidente do TJ reclamou que juízes são resistentes em fazer mutirão de análise de processos de detentos. A ministra foi implacável: “Juiz não tem de querer, mas obedecer”.

O chefe do MP afirmou que o órgão tem vistoriado presídios. Também tomou uma: “Não faz mais que sua obrigação”, argumentou a ministra.

 

 

Comentários

Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO