Quarta-Feira, 22 de Maio de 2019

Internacional

Terça-Feira, 02 de Abril de 2019, 06h:43

ESLOVÁQUIA

Zuzana Caputova primeira presidente da Eslováquia

Caio Blinder

Reprodução

Zuzana Caputova, advogada

As noticias da Europa Oriental têm sido negativas nos últimos tempos, com o avanço de populistas autoritários chegados em Trump, contrários à União Europeia e obcecados com o tal do globalismo tramado por George Soros.

Ufa! Zuzana Caputova, advogado, ativista pelo meio-ambiente, novata no jogo eleitoral, 45 anos, divorciada e mãe de dois filhos adolescentes, será a primeira presidente da Eslováquia, após sua vitória nas eleições de sábado. Ela surfou na onda de indignação contra corrupção no governo, mais empenhado em denunciar imigrantes e gays.

A mobilização popular, a maior desde o fim do comunismo, cresceu depois do assassinato em fevereiro de um jornalista que cobria corrupção política (outra vítima foi sua noiva). Os protestos forçaram a renúncia do então primeiro-ministro com o sugestivo nome de Robert Fico.

Caputova participou dos protestos e logo após a confirmação de sua vitória eleitoral, ela foi ao memorial acender uma vela pelo jornalista Ján Kuciak e sua noiva Martina Kusnirová.

Boa sorte para a presidente-eleita.

Comentários

Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!