Domingo, 16 de Dezembro de 2018

Internacional

Sexta-Feira, 17 de Agosto de 2018, 08h:00

AMEAÇAS DE BOMBA

Ameaças de bombas desviam voos da Latam e Sky no Chile

Redação com Agências

Reprodução/Twitter/AirportWebcams

Mapa do trajeto do voo LA 2369, que fez pouso forçado em Pisco, no Peru

No Chile, em três voos da Latam Airlines Group Chile, Latam Airlines Perú e Sky Airlines houve ameaças de falsas bombas nas aeronaves. Dois deles foram desviados e um terceiro não chegou a decolar nas últimas 24 horas. No total, 9 aviões foram forçados a fazer mudanças de emergência em suas rotas dentro dos espaços aéreos de Chile, Argentina e Peru.

As três companhias aéreas receberam comunicados de que havia artefatos nas aeronaves. Após a fiscalização das autoridades chilenas, nada foi encontrado. 

O susto ocorreu ontem (16) à noite.

Os carabineiros e a polícia de investigações do Chile revelaram 11 falsas ameaças de bombas recebidas no último dia 15 em voos comerciais da Latam e Sky. Segundo Collao, ligações advertindo sobre bombas a bordo dos aviões foram feitas aos escritórios da Latam e à agência de aviação civil do Chile, e a polícia está agora tentando rastrear sua origem.

O general da Direção Geral da Aeronáutica Civil (DGAC) do Chile, Víctor Villalobos, classificou a situação como "extraordinária" e argumentou que foram usados todos os protocolos de segurança. Houve pousos de emergência e evacuação imediata das aeronaves, além de uma exaustiva revisão das condutas de bordo.

*Com informações da Telesur, emissora pública de televisão da Venezuela, e Reuters

Comentários

Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO