Caldeirão Político

Sexta-Feira, 11 de Janeiro de 2019, 10h:25

TJ nega movimentação contra corte do duodécimo

"As negociações em torno do repasse do duodécimo seguem em ambiente de total respeito", garantiu o presidente.

Cícero Henrique

O presidente do Tribunal de Justiça de Mato Grosso, desembargador Carlos Alberto Alves da Rocha, negou, por meio de nota ao Caldeirão Político, qualquer movimentação de desembargadores para repudiar supostas declarações do governo Mauro Mendes.

"As negociações em torno do repasse do duodécimo seguem em ambiente de total respeito", garantiu o presidente.

Confira abaixo íntegra da nota 

O presidente do Tribunal de Justiça, desembargador Carlos Alberto Alves da Rocha, recebeu com surpresa a notícia da nota intitulada “Desembargadores de MT são contra os cortes no duodécimo”, visto que em nenhum momento houve movimentação, entre os desembargadores, para redigir nota de repúdio a supostas declarações do governo Mauro Mendes.

Pelo contrário, as negociações em torno do repasse do duodécimo seguem em ambiente de total respeito entre os poderes Executivo e Judiciário. 

O Tribunal de Justiça se coloca à disposição desse respeitável veículo de comunicação para mais esclarecimentos sobre esta e outras pautas que poderão surgir, ressaltando e reconhecendo a importância da imprensa para o processo democrático brasileiro. 

 


Fonte: Caldeirão Político

Visite o website: caldeiraopolitico.com.br