Quarta-Feira, 13 de Novembro de 2019

Municipal
Domingo, 20 de Outubro de 2019, 06h:35

ELEIÇÕES 2020

Slogan de campanha: vídeo da propina do paletó

Cícero Henrique

Reprodução

Emanuel Pinheiro

A guerra política em Cuiabá começa a passar de “fria” para “quente”. O prefeito Emanuel Pinheiro, do MDB, diz que disputará a reeleição.

Mas os partidos da oposição vão bancar candidatos. 

Emanuel Pinheiro, por ser prefeito, tem desgaste. Mas acaba sendo forte por causa do controle da máquina e torce que para a oposição não lançar candidatos. Por isso o prefeito vem fazendo de tudo, através dos seus subordinados, os vereadores da situação, para queimar os vereadores que fazem oposição ferrenha ao chefe do executivo.

Além dos escândalos que ocorrem na prefeitura, o prefeito tem contra si o horror do vídeo da propina do paletó, que ele jamais conseguirá nesta vida explicar para a população. Com certeza isso será cobrado durante a campanha eleitoral.

A situação é vexatória. pois quando se faz uma busca no Google por 'Emanuel Pinheiro' , aparecem vários links e imagens do vídeo do paletó. Na campanha de 2018 Emanuel foi eleito com larga vantagem, colhendo os 'louros' da campanha pró-RGA dos servidores públicos do Governo de Mato Grosso. À época, as denúncias de Silval Barbosa ainda não eram conhecidas, nem o vídeo do paletó. Hoje a situação é outra. Além da pecha de mensaleiro, Emanuel enfrentará na campanha 2020 candidatos com ficha limpa, serviços prestados e sem dinheiro no paletó.

Caso decida lançar a esposa Márcia Pinheiro à prefeitura, ainda assim carregará o peso do vídeo da propina do paletó, já que ela, certamente, tinha conhecimento de tudo e desfrutou do dinheiro. Além disso, a primeira dama não tem competência em gestão pública, sempre foi 'madame', desconhecida do público. Sua presença na gestão do marido, atualmente, é marcada pela ingerência autoritária. Agora fica apertando a mão dos pobres, mas isso não 'cola'.  

Comentários

Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO