Terça-Feira, 23 de Outubro de 2018

Executivo

Segunda-Feira, 03 de Setembro de 2018, 09h:21

PLANILHAS INVESTIGADAS

Gastos da Sicom continuam sem prestação de contas

Cícero Henrique

Luiz Alves

Ainda não nenhum sinal de resultados sobre a denúncia de um grupo de vereadores cuiabanos sobre as planilhas da Secretaria de Inovação e Comunicação da prefeitura de Cuiabá ao MPE.

Uma das planilhas identificada pelo Caldeirão Político é de publicidade institucional realizada sem interrupção no site de uma federação esportiva. Com diversos banners da prefeitura de Cuiabá a federação arrecadava aproximadamente R$ 49 mil por cada um deles em 2017. Em 2018 as inserções continuam sendo feitas sem interrupção.

Segundo levantamento feito por nossa redação, o responsável pela referida federação é alguém que goza de bom e antigo relacionamento com o alto escalão do palácio Paiaguás. 

As planilhas resultaram em denúncia ao Ministério Público subscrita pelos vereadores Abílio Júnior (PSC), Felipe Welaton (PV), Dilemário Alencar (PROS), Diego Guimarães (PP), Gilberto Figueiredo (PSB), Toninho de Souza (PSD) e Marcelo Bussiki (PSB). Os vereadores questionam os valores gastos pela prefeitura com divulgação institucional no período que sucedeu a denúncia do ex-governador Silval Barbosa de pagamento de "mesada" de R$ 50 mil (num total de R$ 800 mil) que ele pagou para deputados aprovarem as propostas de governo e fazerem 'vista grossa' durante a fiscalização de obras da Copa 2014. Os deputados filmados são investigados pelo MP e tiveram bens bloqueados pela Justiça. Dentre eles está o atual prefeito da Capital, Emanuel Pinheiro (MDB).

O portal Transparência da Prefeitura de Cuiabá - Prestando Contas - só publicou recentemente os gastos da Sicom em 2017. Os valores investidos mensalmente em 2018 não estão disponibilizados no Portal Transparência. Em 2016, último ano da gestão de Mauro Mendes a prefeitura gastou com veiculação de publicidade R$ 4.288.488,50. No primeiro ano da gestão de Emanuel Pinheiro o gasto foi de R$ 18.051.367,33. (veja ao final) 

Leia também:

TRÊS MESES DEPOIS, NINGUÉM EXPLICA NOME DE POPÓ EM PLANILHA

Vereador Abilio Júnior reafirma autenticidade de planilha com nome do irmão de Emanuel Pinheiro

Gastos Sicom 2016

 

Sicom 2017

 

1 COMENTÁRIO:

parece me que o editor deste site não tem nenhuma midia né ? ta querendo ?
enviado por: renato em 03/09/2018 às 11:51:38
0
 
0
responder

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO