Quinta-Feira, 17 de Janeiro de 2019

Estadual
Segunda-Feira, 10 de Dezembro de 2018, 08h:12

LRF

Pedro Taques está entre os 11 governadores que podem deixar rombo no caixa

Rombo no caixa é penalizado no Código Penal com um a quatro anos de prisão

Jô Navarro

Reprodução

Pero Taques humilhado e esculachado

Pedro Taques (PSDB), governador de Mato Grosso, está entre os 11 que correm o risco de não deixar caixa para o próximo governador administrar, segundo o Estadão.

Esta prática é proibida pela Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF) e penalizada no Código Penal com um a quatro anos de prisão. Até hoje ninguém foi preso por isso. A fiscalização é feita pelos TCEs, cujos conselheiros são indicações políticas e até hoje nunca puniram governadores que deixaram rombo no caixa.

O déficit do governo de MT é de R$ 1,8 bilhões. Os salários dos servidores foi escalonado e o governador tucano diz esperar que a União pague a compensação das exportações (FEX) para quitar a folha dos que ganham acima de R$ 6 mil.

O governador eleito Mauro Mendes reuniu-se na semana passada com deputados para cobrar redução de repasses aos Poderes.

 

1 COMENTÁRIO:

Além do TCE nunca punirem os governadores que deixaram rombo no caixa ainda encaminham para a ALMT com pareceres de aprovação de contas.
enviado por: Teka Almeida em 10/12/2018 às 08:32:16
0
 
0
responder

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO