Sábado, 20 de Julho de 2019

Estadual
Sexta-Feira, 15 de Março de 2019, 08h:25

LEILÃO DE AEROPORTOS

Consórcio Aeroeste oferta R$ 40 milhões pelo Bloco Centro-Oeste

Redação

Jô Navarro/Caldeirão Político

O governo federal tem a meta mínima de arrecadar R$ 2,1 bilhões (valor de outorga) com a concessão de 12 aeroportos, em três blocos regionais, no leilão de hoje (15), a partir das 10h, na B3, antiga Bolsa de Valores, Mercadorias e Futuros de São Paulo. A estimativa é que até 12 empresas participem do leilão.

Os prováveis participantes, mapeados pelo governo, têm capital nacional e estrangeiro, e poderão apresentar suas propostas consorciados.

A informação é do secretário de Aviação Civil, Roney Glanzmann, em entrevista à Agência Brasil.

Quatro aeroportos de Mato Grosso serão leiloados hoje. São os aeroportos que atendem o agronegócio no estado: Cuiabá, Sinop, Rondonópolis e Alta Floresta.

O governo deve anunciar também nesta sexta-feira, concessões de mais 22 aeroportos na sexta rodada de leilões - a ser realizada em agosto de 2020. Conforme cronograma oficial, a sétima e última rodada de concessões, com 21 aeroportos, ocorrerá até o primeiro trimestre de 2022.

Propostas apresentadas

Bloco Centro-Oeste

O Consórcio Aeroeste ofereceu R$ 20,3 milhões por bloco do Centro-Oeste, ágio de 2.355,99%.

Já a Construcap-Agunsa ofereceu R$ 9,092 milhões, ágio de 1.000%

(11h00) - Consórcio Aeroeste faz proposta a viva voz e aumenta para R$ 21 milhões a proposta para o bloco Centro-Oeste.

(11h17) Consórcio Construcap-Agunsa propõe R$ 31 milhões para o bloco Centro-Oeste.

(11h46) Consórcio Aeroeste oferta R$ 40 milhões para o bloco Centro-Oeste com ágio de 4.739,38.

Proposta 11h46

 

Leilão encerrado.

Proposta 11h41

 

 

 

 

Leilão de Aeroportos

 

ASSISTA O LEILÃO AO VIVO

Comentários

Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO