Sexta-Feira, 20 de Outubro de 2017

Eventos e Negócios
Sexta-Feira, 23 de Outubro de 2015, 10h:31

EXPOSIÇÃO

Exposição em homenagem a Dalva de Barros inaugura Galeria de Artes

Redação

 Na próxima quarta-feira, dia 28 de outubro, Cuiabá ganha mais um equipamento cultural com a inauguração da Galeria de Artes Lava Pés. Localizado no piso térreo da Secretaria de Estado de Cultura, Esporte e Lazer (Secel), na avenida Lava Pés. O novo espaço será aberto em grande estilo com a exposição Dalva de Barros 80 anos, uma celebração à cultura mato-grossense e a um dos nomes mais representativos das artes plásticas regionais. A cerimônia de inauguração será às 20h.         

“Ter uma artista como Dalva de Barros como tema da exposição de abertura da Galeria de Artes Lava Pés é uma honra e, ao mesmo tempo, uma grande responsabilidade. Um dos nomes mais importantes das artes mato-grossenses, Dalva não é apenas uma pintora singular, em cujas obras estão presentes todos os elementos de uma grande artista, mas é também fonte de inspiração e mestra querida de tantos outros talentos como Adir Sodré, Gervane de Paula, Benedito Nunes, Dirce Nestor, Márcio Aurélio e Regina Pena que, nesta exposição especial, rendem suas homenagens à artista”, afirma Leandro Carvalho, secretário de Cultura, Esporte e Lazer. 
                  
Com 350 metros quadrados de área, a Galeria de Artes Lava Pés está equipada para receber exposições nos mais variados suportes, de telas a esculturas e videoinstalações, entre outros. 

“A estrutura controlável de iluminação se adapta aos mais diversos fins”, explica Robinson de Carvalho Araújo, arquiteto da Secel. 
                 
Segundo ele, foram feitas melhorias no piso, paredes e janelas para oferecer o conforto adequado aos visitantes. O local, de acesso livre, dispõe ainda de banheiros masculino e feminino. Para que a população possa acompanhar a programação da galeria, haverá banners expostos na fachada do prédio informando sobre as exposições em cartaz. 
              
A mostra sobre Dalva de Barros contará com a participação especial de alguns dos discípulos da artista plástica como Adir Sodré, Benedito Nunes, Dirce Nestor, Márcio Aurélio e Regina Pena que apresentarão cerca de 40 obras. A exposição inclui ainda um vídeo-documentário produzido para a ocasião, além de fotos, catálogos, croquis, objetos pessoais e de arquivo da artista. A curadoria é de Gervane de Paula, que também foi discípulo de Dalva na década de 70.

“Esta exposição é muito importante porque vai reunir obras de períodos distintos da carreira de Dalva, desde estudos feitos no início a esboços e pinturas recentes. Isso mostra que Dalva está viva, ativa, forte e produzindo praticamente no mesmo ritmo que antes”, observou. “Queremos estabelecer a importância desta artista como pintora e também como professora que influenciou tantos outros artistas hoje consagrados em nível regional, nacional e internacional”. 
                  
Presença relevante para o cenário da cultura do estado e do país, Dalva de Barros, nascida em 27 de outubro de 1935, em Cuiabá, segue dando uma importante contribuição para a arte. Essa exposição é um reconhecimento à artista que se propôs a missão de ensinar arte à segunda geração de artistas plásticos mato-grossenses. 
                    
Com seu olhar simples e atento, Dalva produz telas ricas em detalhes e grandiosas em suas composições pictóricas. Seus quadros evocam temas que nascem no próprio dia-a-dia da artista: meninos de rua, retratos de amigos, fatos jornalísticos, festas populares, paisagens do Centro-Oeste. 
                  
A montagem da exposição será feita pelo experiente arquiteto paulistano Jeff Keese. Entre os inúmeros trabalhos desenvolvidos por ele destaca-se a organização da mostra Brasil 500 anos, em 2000, no Parque Ibirapuera (SP). É dele também a montagem das quatro primeiras edições do Prêmio CNI Sesi Marcantônio Vilaça para as artes plásticas ao longo de nove anos. Foram 26 montagens em 19 capitais, nos mais importantes espaços culturais do país, incluindo a itinerância da exposição que aconteceu em Cuiabá, em 2012, no Palácio da Instrução, uma das primeiras exposições de arte contemporânea com abrangência nacional apresentada na capital mato-grossense. 
                     
“Espaços para artes visuais sempre merecem ser saudados, comemorados e incentivados. A abertura desta galeria, dentro do espaço institucional da cultura no estado, merece destaque e incentivo, de modo que possa apresentar uma referência a ser multiplicada e adaptada, focando no potencial dos diversos espaços disponíveis na Capital do estado e no interior”, ressalta Keese. “O intercâmbio e a troca com outros setores das artes visuais do país também têm capacidade de ampliar o desenvolvimento de um conteúdo próprio e local, em harmonia com as melhores produções da arte brasileira e de outros países”. 
                  
Segundo ele, o projeto expográfico desta mostra em homenagem à Dalva de Barros tem como objetivo apresentar as obras da artista, envolvendo o espaço ocupado pelos seus discípulos, como que “gestando” estes alunos que ainda recebem a inspiração para continuar a produzir. 
                  
“A ousadia aparece na forma curva das paredes expositivas autoportantes que se espelham na forma em arco e na forte presença das vigas metálicas vermelhas que dominam o ambiente. Além disso, a atenuação da entrada de luz natural com a aplicação de películas nas vidraças facilitará e uniformizará a concepção de iluminação, com proposta flexível para cada montagem que poderá ocupar o espaço desta nova galeria”. 
                  
Onde                      
A inauguração da Galeria de Artes Lava Pés será nesta quarta-feira (28), às 20h, na sede da Secel que fica na avenida José Monteiro de Figueiredo (Lava Pés), 510, bairro Duque de Caxias.
 
Quando
A mostra Dalva de Barros 80 anos! permanece em cartaz até 26 de fevereiro de 2016. A Galeria de Artes Lava Pés estará aberta para visitação do público de segunda a sexta, das 8h às 18h, com entrada gratuita. 

Comentários

Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO