Sábado, 16 de Dezembro de 2017

Cidades

Terça-Feira, 29 de Agosto de 2017, 12h:47

CUIABÁ

Rodoviária de Cuiabá terá novo modelo de concessão

Redação

Meneguini/Gcom-MT

O Governo de Mato Grosso irá implantar um novo modelo de concessão com a previsão de investimentos na melhoria da infraestrutura do Terminal Rodoviário de Cuiabá Engenheiro Cássio Veiga Sá. Em reunião nesta segunda-feira (28.08), os locatários foram informados que o Estado, por meio da Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística (Sinfra) e Procuradoria Geral do Estado (PGE), entrou em acordo com a empresa Servexte, que administra a unidade. 

Pelo acordo, a empresa permanecerá no comando da gestão da rodoviária até o dia 15 de novembro deste ano. Segundo o secretário adjunto de Transporte Intermunicipal e Concessões da Sinfra, Fabio Calmon, que se reuniu com os locatários da rodoviária, o Governo trabalha para que não seja interrompido em nenhum momento os serviços na unidade, e em um novo modelo de concessão mais moderno.  

Calmon explicou, ainda, que a secretaria elabora atualmente uma licitação para a contratação emergencial de uma empresa para administrar a rodoviária. O secretário destacou, porém, que a meta da Sinfra é finalizar no primeiro semestre de 2018 a modelagem definitiva da concessão da rodoviária. Isso porque, a Servexte administra a rodoviária desde 1993, e esta com o contrato de concessão vencido desde 2008.

“Queremos melhorar, em definitivo, a situação da rodoviária, que há anos não recebia os investimentos necessários para atender a demanda das pessoas que utilizam os serviços. Por isso, vamos finalizar no próximo ano um modelo de concessão que represente grandes investimentos privados na melhoria do terminal. Tudo isso faremos de maneira transparente, ouvindo a população por meio de uma contínua pesquisa de satisfação com os usuários. Pretendemos, no futuro, tornar a rodoviária um centro de serviços, com lojas, unidades bancárias e ganha tempo para facilitar a vida do cidadão”, pontuou.

Comentários

Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO