Domingo, 21 de Outubro de 2018

Cidades

Quinta-Feira, 04 de Janeiro de 2018, 15h:39

NOVA BANDEIRANTES

Durante diligência, três são presos, dois morrem e investigador é baleado

Redação

PJC

Uma mulher e dois homens, apontados como integrantes de um grupo reincidente em diversos crimes, foram presos, na tarde de quarta-feira (03.01), em Nova Bandeirantes (1.026 km ao norte de Cuiabá). Uma arma de fogo também foi apreendida. As prisões ocorreram durante diligências para apurar um roubo, que acabou na tentativa de homicídio contra dois policiais civis.

Um investigador de polícia foi atingindo por um disparo de arma de fogo no braço e encontra-se internado no hospital da cidade de Alta Floresta. O estado de saúde dele é considerado estável. Na ação, dois suspeitos morreram. Inicialmente, apenas um foi identificado como “Juliano Sanguinário”. Ambos não portavam documento de identificação durante o ocorrido.

Fernanda Cristina de Oliveira, 24, responsável por tentar desarmar um dos policiais civis na abordagem, foi autuada em flagrante por tentativa de homicídio qualificado e associação criminosa.

O segundo preso, Marciano Gomes Pinto é fugitivo da Cadeia Pública de Colíder (a 650 km de Cuiabá). O homem responde por homicídio e estava com o mandado de prisão em aberto.

O terceiro envolvido, que tem 42 anos, conhecido como “Van Damme”, foi detido em flagrante por porte ilegal de arma de fogo com identificação adulterada.

Entenda o caso

Dois policiais civis chegaram ao endereço de Fernanda para intimá-la. Os policiais se depararam com um indivíduo em atitude suspeita, o qual assim que avistou a equipe apresentou nervosismo e correu para o interior do imóvel.

Ato contínuo, a equipe se identificou, relatando que precisavam fazer uma intimação. Fernanda estava dentro da casa, na companhia de outros indivíduos, disse que iria trocar de roupa e sairia em seguida.

No entanto, um dos policiais que fazia a segurança do segundo, mais à frente, percebeu o momento que seu parceiro foi agarrado por uma terceira pessoa armada, entrando em luta corporal.

Durante o enfrentamento, Fernanda avançou em um dos policiais, conseguindo retirar a arma de fogo e efetuar disparo contra um dos investigadores de polícia, que foi ferido no braço, próximo ao ombro.

Os dois homens mortos durante a ação foram os que agrediram e tentaram desarmar os policiais que cumpriam a intimação.

Após os fatos, os três envolvidos foram conduzidos à Delegacia de Polícia. Conforme apurado, todos integram uma quadrilha suspeita de cometer roubos e homicídios nas cidades de Nova Bandeirantes e Nova Monte Verde.

Estiveram dando apoio a ocorrência, os policiais civis do Grupo Armado de Resposta Rápida (Garra de Alta Floresta) e policiais militares de Nova Bandeirantes e do Batalhão de Operações Especiais (Bope).

 

Comentários

Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO