Quinta-Feira, 19 de Julho de 2018

Cidades

Quarta-Feira, 14 de Março de 2018, 15h:08

PRISÃO EM FLAGRANTE

Ação conjunta liberta em MT homem sequestrado no DF

Três suspeitos foram presos em flagrante pelo crime de extorsão mediante sequestro.

Redação

Divulgação/PJC

Com apoio da Polícia Militar de Mato Grosso, Gefron, Polícia Federal e Polícia Rodoviária Federal (PRF), policiais civis do Distrito Federal libertaram Ivanildo da Silva Rodrigues Magalhães, sequestrado em Brasília no dia 06 de março, e mantido em cárcere em um sítio próximo à vila Pedro Neca, em Porto Esperidião (358 km a Oeste da capital).

Os suspeitos do sequestro, Leonardo Teixeira da Rocha, 29 anos, Osvaldo Donizete Garcia, 49 e Mário Elizário da Silva, 50 anos, foram presos em flagrante no sítio pelo crime de extorsão mediante sequestro, previsto no artigo 159 do Código Penal.

O caso é investigado pela Divisão de Repressão a Sequestros (DRS) do Distrito Federal. Os suspeitos já estão em Brasília e o delegado responsável pelo caso vai falar sobre o assunto na tarde de hoje.  

De acordo com as informações repassadas pela Polícia Civil do Distrito Federal, Ivanildo foi levado da casa dele, na cidade-satélite de Samambaia.

No dia 12 de março, a equipe da DRS se deslocou para Mato Grosso e chegou em Cáceres, onde pediu apoio das forças de segurança local em busca da vítima e dos autores do crime.

Após diligências em Cáceres, os policiais fizeram o monitoramento da pessoa que estava na cidade para fazer o pagamento de R$ 100 mil pelo resgate de Ivanildo. Após a entrega do dinheiro aos sequestradores no dia 13 de março, a polícia fez o monnitoramento e os próprios suspeitos levaram a polícia ao local do cativeiro. Além da prisão dos responsáveis, o dinheiro foi recuperado e duas armas de fogo, calibre 32, foram apreendidas.

Comentários

Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO