Sábado, 19 de Outubro de 2019

Brasil

Sábado, 12 de Outubro de 2019, 16h:05

ALERTA

“Direita é violenta e injusta”, segundo o arcebispo de Aparecida

Redação

Reprodução

Arcebispo de Aparecida, Dom Orlando Brandes

O sermão do arcebispo de Aparecida, Dom Orlando Brandes, chamou a atenção durante a missa solene no Santuário Nacional, enquanto presidia as comemorações do dia de Nossa Senhora Aparecida. Neste sábado (12), ele disse na homilia que a “direita é violenta e injusta”. Dom Orlando ainda criticou a corrupção, defendeu a preservação da natureza e pediu para que crianças não morram mais vítimas de bala perdida.

“Temos o dragão do tradicionalismo. A direita é violenta, é injusta, estamos fuzilando o Papa, o Sínodo, o Concílio Vaticano Segundo. Parece que não queremos vida, o Concílio Vaticano segundo, o evangelho, porque ninguém de nós duvida que está é a grande razão do sínodo, do concílio, deste santuário, a não ser a vida, como já falei”, criticou.

Segundo o arcebispo, a crítica não teve como enfoque um governo, mas uma ideologia conservadora. Questionado pelo G1 ele disse que “todo mundo sabe o que é a direita”. “Nós temos muitas pessoas que não aceitam o Vaticano, o Papa, por visão tradicionalista. Ás vezes com nome diferentes, com nomes antigos. São grupos muito antigos, sempre houve na igreja a ideologia da esquerda e a ideologia da direita e nós não podemos ser ideológicos, precisamos ser pessoas da verdade. A ideologia sempre procura os próprios interesses. Já a verdade é uma pessoa: Jesus Cristo, e o seu evangelho”, declarou.

Brandes ainda disse que os caminhos da corrupção estão sendo facilitados, gerando aumento da desigualdade social. “Aquele dragão, que ainda continua, estão sendo facilitados agora os caminhos do dragão da corrupção, que tira o pão da nossa boca e aumenta as desigualdades sociais, que a mãe não pode ficar alegre com filhos desempregados,com filhos sofrendo uma violência injusta, com filhos e filhas não tendo nem como sobreviver cada dia, talvez até a cada minuto da vida. Dragão é o que não falta, mas a fé vence”, disse. 

Comentários

Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO