Domingo, 27 de Setembro de 2020

Brasil

Terça-Feira, 01 de Setembro de 2020, 11h:55

LAVA JATO

Deltan Dallagnol anuncia saída da força-tarefa da Lava Jato

Jô Navarro

Reprodução

Deltan Dallagnol

O procurador da República Deltan Dallagnoll anunciou seu afastamento da força-tarefa da Lava Jato em Curitiba. A informação é da CNN.

A justificativa seria a necessidade de dedicar-se à saúde da filha

O substituto de Dallagnol é o procurador Alessandro José Fernandes, que atualmente integra o grupo de trabalho da Lava Jato na PGR, subordinado à subprocuradora-geral Lindôra Maria Araújo. Interlocutores afirmam que eles vão permutar o posto de trabalho.

Nos bastidores comenta-se que esta teria sido a condição imposta por Augusto Aras para autorizar a prorrogação da força-tarefa por mais um ano.

O anúncio oficial deve ser feito a qualquer momento.

Comunicado oficial do MPF-PR

Após 6 anos à frente da Lava Jato no Paraná, o procurador da República Deltan Dallagnol está se desligando da força-tarefa para se dedicar a questões de saúde em sua família. Por todo esse período, enquanto Coordenador dos trabalhos, Deltan desempenhou com retidão, denodo, esmero e abnegação suas funções, reunindo raras qualidades técnicas e pessoais. A liderança exercida foi fundamental para todos os resultados que a operação Lava Jato alcançou, e os valores que inspirou certamente continuarão a nortear a atuação dos demais membros da força-tarefa, que prosseguem no caso.

Com a saída anunciada, o procurador da República no Paraná Alessandro José Fernandes de Oliveira deve assumir as funções antes exercidas por Deltan Dallganol, passando a titularizar, por meio de permuta, o ofício a que distribuídas investigações da Lava Jato no Paraná. Alessandro, com reconhecida experiência no combate ao crime organizado, é membro com maior antiguidade na Procuradoria da República do Paraná a manifestar interesse e disponibilidade para coordenar os trabalhos no ofício a que vinculado o caso. Com a troca, Deltan, que solicitou um período de 15 dias para auxiliar na transição, deve assumir o ofício de Alessandro.

Os integrantes da força-tarefa da Lava Jato no Paraná agradecem Deltan Dallagnol pela imensa contribuição prestada ao combate à corrupção e se solidarizam com o seu momento pessoal, ao tempo em que expressam apoio e confiança a Alessandro Oliveira. Os trabalhos na força-tarefa prosseguirão da mesma forma como nos últimos anos.

Leia também: 

Força-tarefa repudia declarações inverídicas de Aras sobre seu trabalho

MORO: DESCONHEÇO SEGREDOS ILÍCITOS NO ÂMBITO DA LAVA JATO

EM ATUALIZAÇÃO

 

 

Comentários

Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO