Sexta-Feira, 21 de Setembro de 2018

Artigos
Quarta-Feira, 12 de Setembro de 2018, 12h:38

Em breve, Lula livre!

Ricardo Noblat,

Reprodução

Ricardo Noblat

Ex-advogado de Lula, o ministro Dias Toffoli, que amanhã assume a presidência do Supremo Tribunal Federal, porá para ser votada novamente a prisão em 2ª instância. Uma vez que ela deixe de valer, Lula será solto. Está previsto para acontecer no início de 2019, mas nada impede que depois da eleição ele seja solto.

Lula sairá da cadeia dizendo que a Justiça, afinal, reconheceu a sua inocência tão proclamada por ele desde que foi preso. E quem acredita que Lula foi preso só para que não pudesse ser candidato e vencer a eleição, acreditará, sim, com mais fé ainda que ele não passou de uma vítima de um golpe. Tanto que acabou libertado.

Os políticos enrolados com a Lava Jato, mas não somente eles torcem desesperadamente por Lula livre. Ficará mais fácil para que escapem à Justiça. No tempo oportuno, se dirá que Lula solto é uma contribuição ao restabelecimento da paz política. E que o país, sob um novo presidente, precisará de paz para se reconstruir.

Comentários

Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO